rfi

No ar
  • RFI em Português
  • Noticiário em Português
  • RFI Mundo

Conferência Papa Francisco Vaticano Agressão Sexual

Publicado a • Modificado a

Papa exige medidas "concretas e eficazes"

media
Papa Francisco reunido com líder da Igreja. Vincenzo PINTO / POOL / AFP

O Vaticano recebe a partir de hoje e até domingo todos os presidentes das conferências Episcopais do mundo para uma reunião inédita sobre abusos a crianças por membros do clero.


O Papa Francisco disse esta manhã a quase duas centenas de líderes católicos reunidos no Vaticano para debater os abusos sexuais na Igreja que a hierarquia católica tem de ir além das “simples e óbvias condenações” dos crimes, tomando “medidas concretas e eficazes”.

No encontro participam 190 representantes da Igreja; cardeais, bispos e religiosos. De acordo com dados da organização desta reunião sobre "a protecção de menores na Igreja", estão presentes 114 presidentes de conferências episcopais de todo o mundo, 14 responsáveis das igrejas católicas orientais, 15 bispos ordinários, 22 superiores de congregações religiosas femininas e masculinas, dez prefeitos dos dicastérios do Vaticano, quatro membros da Cúria romana e cinco do Conselho de Cardeais, para além de organizadores e moderadores.

"O santo povo de Deus olha para nós e espera de nós, não simples e óbvias condenações, mas medidas concretas e efectivas", lembrou Francisco que realçou"o peso da responsabilidade pastoral e eclesial" de cada um para "enfrentar este mal que aflige a Igreja e a humanidade".

Papa Francisco 21/02/2019 ouvir

O Vaticano recebe a partir de hoje e até domingo todos os presidentes das conferências Episcopais do mundo para uma reunião inédita sobre abusos a crianças por membros do clero, um tema que abalou a Igreja em 2018 como descreve José Vera Jardim, presidente da Comissão de Liberdade Religiosa.

José Vera Jardim, presidente da Comissão de Liberdade Religiosa 21/02/2019 ouvir