rfi

No ar
  • RFI em Português
  • Noticiário em Português
  • RFI Mundo
Urgente
Itália: Primeiro-ministro apresentou a sua demissão

Sri Lanka Papa Francisco Igreja Católica Páscoa Atentado

Publicado a • Modificado a

Sri Lanka: Francisco condena ataques que enlutaram festa cristã

media
O Papa Francisco condenou os ataques que transformaram festa cristã em luto. REUTERS/Remo Casilli

O Papa Francisco condenou os ataques que transformaram a festa cristã em luto: “Quero manifestar a minha afectuosa proximidade com a comunidade cristã atingida quando se encontrava recolhida em oração”.


Pelo menos 207 pessoas morreram e perto de 500 ficaram feridas este domingo, vítimas de várias explosões no Sri Lanka. Entre os mortos há 27 estrangeiros, um é português.

Ao todo foram oito explosões, em quatro hotéis, um complexo residencial e três igrejas na altura em que decorria a Missa de Páscoa, um dos momentos mais importantes para os cristãos.

Na Praça de São Pedro, na tradicional bênção “Urbi et Orbi”, à cidade e ao mundo, neste Domingo de Ressurreição da Igreja Católica, o sumo pontífice reagiu às oito explosões que ensanguentaram o domingo de Páscoa no Sri Lanka: “É com tristeza e dor que recebo a notícia dos graves ataques que, precisamente hoje, dia de Páscoa, trouxeram o luto e o sofrimento em várias igrejas e outros locais repletos de pessoas no Sri Lanka.

Quero manifestar a minha afectuosa proximidade com a comunidade cristã atingida quando se encontrava recolhida em oração e a todas as vítimas da violência.

Confio a Deus os que tragicamente desapareceram e rezo pelos feridos e por todos aqueles que sofre por causa deste evento dramático”.