rfi

No ar
  • RFI em Português
  • Noticiário em Português
  • RFI Mundo

Comemoração Aniversário NATO Washington Estados Unidos Turquia Rússia África Lusófona

Publicado a • Modificado a

70 anos de criação da NATO comemorados em Washington

media
70 anos de existência da NATO, comemorados, em Washington, Estados Unidos REUTERS/Ints Kalnins

A NATO, "não quer uma nova corrida armamentista ou duma nova guerra fria", declarou hoje no congresso americano, o seu secretário-geral, Jens Stoltenberg, por ocasião dos 70 anos da Aliança atlântica. Os ministros dos negócios estrangeiros e da defesa comemoram hoje e amanhã em Washington este aniversário da criação da NATO.   


O secretário-geral da NATO, Jens Stoltenberg, discursou perante os parlamentares do Congresso americano, em Washington, no dia em que a Aliança atlântica comemora o seu 70° aniversário.

Soltenberg, afirmou que a NATO "não quer uma nova corrida ao armamento ou duma nova guerra fria" com a Rússia.

Mas, Jens Soltenberg, teve o cuidado de sublinhar que a "NATO adoptará sempre as medidas necessárias para garantir uma dissuasão credível e eficaz".

O secretário-geral da ONU, com os olhos postos nas comemorações dos 70 anos da criação da organização atlântica, de hoje e amanhã, apelou assim a "preservar a unidade" dos 29 Estados membros.

Uma unidade que vacilou precisamente hoje com a Turquia, que é membro da NATO, a confirmar, que mantém a compra de um sistema anti-missil de defesa russo, quando o principal papel da NATO é lutar contra a "ameaça" da Rússia.

O Presidente americano, Donald Trump, declarou ainda há dias que a Turquia, tinha que escolher e "renunciar sem equívocos" à compra do sistema russo.

Esperemos, pois, para ver, como é que esta questão, vai ser analisada nas comemorações dos 70 anos da NATO, em Washingon, Estados Unidos. 

70 anos da criação da NATO festejados em Washington 03/04/2019 ouvir