rfi

No ar
  • RFI em Português
  • Noticiário em Português
  • RFI Mundo

Incêndio Estados Unidos Catástrofe ambiental Califórnia Morte

Publicado a • Modificado a

Estados Unidos: Incêndios mortíferos na Califórnia

media
Incêndios na Califórnia. Foto Josh Edelson. AFP

Os incêndios na Califórnia nos Estados Unidos já fizeram pelo menos 50 mortos. Há uma semana que os bombeiros lutam contra os incêndios.


Milhares de bombeiros tentam conter, pelo sétimo dia consecutivo, os incêndios que ocorrem na Califórnia, nos Estados Unidos, enquanto as equipas de resgate encontraram novas vítimas dos incêndios florestais que fizeram pelo menos 50 mortos.

A maioria destas pessoas morreram no "Camp Fire", incêndio que afecta a cidade de Paradise e os seus arredores, junto das montanhas da Sierra Nevada e a norte da cidade de Sacramento.

Na terça-feira, o incêndio estava controlado a 35%, segundo as autoridades. Esta situação levou à deslocalização de mais de 250 000 pessoas.

"Camp Fire" é o incêndio mais devastador registado na região. Mais de 5 600 bombeiros de todo o país tentam conter as chamas.

No sul do estado, os bombeiros lutam contra o "Woolsey Fire", que destruiu mansões na zona turística de Malibu. Este incêndio está controlado a 40%, segundo as autoridades.

As chamas destruíram 435 imóveis. A residência da cantora Miley Cyrus foi uma das destruídas pelo incêndio.

Um terceiro incêndio, o "Hill Fire", no condado de Ventura, no noroeste de Los Angeles e Malibu, estava controlado a 75%.

De notar por fim que 228 pessoas foram declaradas desaparecidas.