rfi

No ar
  • RFI em Português
  • Noticiário em Português
  • RFI Mundo

Rússia Ucrânia Donetsk Lugansk

Publicado a • Modificado a

Troca de prisioneiros no leste da Ucrânia

media
Gorlivka, Ucrânia. 27 de Dezembro de 2017. Anatolii STEPANOV / AFP

As autoridades ucranianas e os separatistas pró-russos começaram hoje a primeira troca de prisioneiros em 15 meses e a maior em quatro anos de conflito. A troca deverá envolver 380 pessoas.


Os separatistas devem entregar a Kiev 74 prisioneiros ucranianos detidos pelas duas autoproclamadas repúblicas de Lugansk e de Donetsk, em troca de 306 pessoas detidas pelas autoridades ucranianas.

A troca decorre perto da cidade de Gorlivka, a cerca de 40 quilómetros de Donetsk.

Este é o resultado de longas negociações entre o presidente russo Vladimir Putin e o seu homólogo ucraniano Petro Porochenko, com a mediação do patriarca da Igreja Ortodoxa russa.

A libertação de prisioneiros é um dos pontos principais dos acordos de paz de Minsk, de Fevereiro de 2015, para acabar com o conflito entre as forças governamentais ucranianas e os separatistas pró-russos. Desde Abril de 2014, a guerra fez mais de 10.000 mortos. Os acordos de Minsk permitiram a diminuição da tensão mas os confrontos continuam.