rfi

No ar
  • RFI em Português
  • Noticiário em Português
  • RFI Mundo

Sida Prisioneiros Prisão Moçambique

Publicado a • Modificado a

Sida afecta prisioneiros de cadeias moçambicanas

media
Prisões moçambicanas duramente afectadas pelo vírus da SIDA. REUTERS/Nacho Doce

Cadeias em Moçambique registam mais de 4.500 prisioneiros infectados com o vírus da SIDA, num universo de 20 mil pessoas distribuídas pelos diversos estabecimentos do país. Sem dizer, que Moçambique, no seu todo, tem actualmente cerca de 1,9 milhões com o vírus da SIDA.


Os índíces de seroprevalência nas cadeias moçambicanas é preocupante e com tendência crescente de ano para ano.

Dados da direcção geral do servico nacional penitenciário indicam que mais de 4500 prisioneiros estão infectados com o HIV/SIDA de um universo de cerca de 20 mil pessoas distribuídas pelos diversos estabelecimentos prisionais do país.

Uma situação agravada, reconhecem as autoridades, pelo abandono ao tratamento mas também pelo peso das doenças transmissíveis e as condições de reclusão num país onde segundo o ministério da saúde, o nível de seroprevalência do HIV subiu de 11.5 por cento em 2009 para 13.2 por cento em 2015.

Taxas num pais onde actualmente 1,9 milhões de pessoas vivem com o vírus HIV da SIDA.

De Maputo, o nosso correspondente, Orfeu Lisboa.

Orfeu Lisboa, correspondente, em Maputo 07/01/2018 ouvir