rfi

No ar
  • RFI em Português
  • Noticiário em Português
  • RFI Mundo

ONU Manifestação Guiné-Bissau Direitos Humanos Jovens Presidente África Lusófona

Publicado a • Modificado a

Jovens manifestantes barricados abandonam ONU em Bissau

media
Jovens manifestantes barricados na ONU abandonam instalações da organização mundial. Na foto jovens escutando RFI? REUTERS/Nyancho NwaNri

Na Guiné Bissau, os jovens manifestantes abandonaram esta tarde a sede das Nações Unidas em Bissau, após negociações que permitiram a libertação de dois jovens que se encontravam detidos pelas Forças de Ordem, sob a mediação da Liga Guineense dos Direitos Humanos. 


Jovens manifestantes abandonaram esta tarde a sede das Nações Unidas em Bissau, após negociações que permitiram a libertação de dois jovens que se encontravam detidos pelas Forças de Ordem, sob a mediação da Liga Guineense dos Direitos Humanos.

A juventude da maioria parlamentar barricada desde ontem na sede das Nações Unidas na sequência da dispersão dos manifestantes em vigília, quer a nomeação urgente do governo resultante das eleições legislativas de 10 de Março e marcação da data para as eleições presidenciais, já que o mandato do actual Presidente da República José Mário Vaz termina a 23 deste mês.

Com a intervenção das forças de Ordem, os manifestantes foram obrigados abandonar as ruas para se barricarem na sede das Nações Unidas, apelando a responsabilidade da Comunidade Internacional perante a situação.

Em nome da juventude da maioria parlamentar, Dionísio Pereira, disse ter recebido garantias do Coordenador residente do sistema das Nações Unidas na Guiné-Bissau, David McLachlan-Karr em transmitir o recado ao Conselho da Segurança da ONU.

A juventude da maioria parlamentar promete voltar as ruas na próxima semana, se o Presidente da República, continuar a violar a constituição da república, por alegações do impasse no Parlamento.

De Bissau, o nosso correspondente, Aliú Candé. 

Aliu Candé, correspondente, em Bissau 11/06/2019 ouvir