rfi

No ar
  • RFI em Português
  • Noticiário em Português
  • RFI Mundo

Consumidor Facebook Internet Justiça

Publicado a • Modificado a

Facebook aceita auditoria sobre política de privacidade

media
Mark Zuckerberg, fundador do Facebook, em uma conferência em São Francisco. Reuters/Robert Galbraith

A rede social Facebook aceitou um acordo amigável com a Comissão Federal de Comércio dos Estados Unidos para se submeter durante vinte anos a auditorias sobre a gestão da privacidade dos seus usuários.


Conforme o acordo negociado, o Facebook comprometeu-se a não mais mentir sobre a maneira como o site utiliza os dados privados dos seus usuários. Além disso, a rede social co-fundada por Mark Zuckerberg terá que pedir autorização aos internautas para mudar o sistema de partilhamento das informações pessoais.

A Comissão Federal de Comércio dos Estados Unidos acusava o Facebook de ter mentido em diversas ocasiões. Por exemplo, a rede social declarava aos seus usuários que os dados pessoais não eram fornecidos para fins publicitários, quando, na verdade, os dados eram de fato vendidos. Mesmo a “lista de amigos”, que deveria ser privada” foi repassada para terceiros.

A “inovação no Facebook não pode ser produzida às custas da vida privada do consumidor”, declarou o presidente da comissão, Jon Leibowitz. A rede social diz ter 800 milhões de usuários, mas sempre foi criticada pelas práticas obscuras em relação aos dados privados dos seus clientes.

Em um blog, Mark Zuckerberg disse que deseja que o Facebook “seja um líder em matéria de transparência e do controle da vida privada”. Ele anunciou ainda a criação de dois cargos responsáveis pela gestão da vida privada dos internautas. Ele admitiu ter cometido “um montão de erros”, mas lembrou que o Twitter e o Google também estão sob a vigilância da Comissão Federal de Comércio.

O Facebook prepara sua entrada na Bolsa de Nova York em 2012. Na operação, o site poderá captar US$ 10 bilhões, o que levaria a empresa a valer mais de US$ 100 bilhões, segundo o Wall Street Journal.