rfi

No ar
  • RFI em Português
  • Noticiário em Português
  • RFI Mundo

Festival Música Portugal Cabo Verde

Publicado a • Modificado a

França escolhe a sua música para a Eurovisão

media
Lisandro Cuxi, artista português de origem cabo-verdiana em França. RFI/Miguel Martins

A França escolhe neste sábado a música que vai representar o país em Maio em Lisboa no Festival Eurovisão da canção. São oito os finalistas, entre eles Lisandro Cuxi, português de origem cabo-verdiana, radicado no sul de França. Ele intrepreta "Eva".


Eva, a canção que defende Lisandro Cuxi, é uma homenagem à sua mãe, Maria, e à sua dedicação em prol dos filhos, um tema em francês que conta com refrão em inglês.

Este jovem de dezoito anos está radicado em Cannes, sul de França, desde 2009. Nascido em Portugal, de pais cabo-verdianos, a separação dos mesmos na altura da vinda para a França tê-lo-ia afectado, sobremaneira.

O jovem talento passou pela versão infantil do programa televisivo de revelação de talentos musicais "The Voice Kids" e, em Junho do ano passado, ganhou, mesmo a versão já de adultos de "The Voice".

Lisandro trabalhara, para o efeito, com o jovem músico de origem polaca M Pokora, oriundo do leste da França e com uma carreira com forte impacto junto das camadas juvenis e femininas.

A sua vitória no programa permitiu-lhe gravar o seu álbum de estreia "Ma bonne étoile" com a editora Mercury lançado em Setembro de 2017.

Ele já manteve uma colaboração com Anselmo Ralph, músico angolano de R'n'B particularmente activo em Portugal em "Se fosse eu".

O seu álbum de estreia inclui refrões em português, caso da faixa "Ce qui me plaît", ele também fez uma versão lusa "Dançar", do single "Danser".

Um disco em que ele faz referências ao kizomba e à coladera, em termos de ritmos musicais e onde no tema "Vivre sans toi" faz referência à falta do pai, após o afastamento ditado pela separação dos pais.

A sua irmã, Soraia Ramos, a viver na Suíça, é também cantora e terá tido forte influência no despontar da sua carreira, para além da cumplicidade da sua professora de canto Clotilde Ebbo que o descobriu em Cannes.

Lisandro Cuxi foi apurado a 13 de Janeiro com "Eva" para disputar a final francesa de 27 de Janeiro visando escolher o tema que vai representar o país em Lisboa, no Festival Eurovisão da Canção.

Em entrevista à rfi ele admitiu estar a sentir algum nervosismo antes da final francesa das eliminatórias rumo ao Festival Eurovisão da Canção e afirma querer ir mesmo a Portugal representar a França.

A vitória inédita na Ucrânia em 2017 de Salvador Sobral com "Amar pelos dois", composto pela irmã Luísa Sobral, garante a Portugal a organização do concurso de 2018, com a final agendada para 18 de Maio em Lisboa.

Lisandro Cuxi, intérprete da canção "Eva", finalista das eliminatórias francesas rumo à Eurovisão 26/01/2018 ouvir

A França já não ganha o Festival Eurovisão da Canção desde 1977 com "L'oiseau et l'enfant" de Marie Myriam, curiosamente, também ela de origem portuguesa.