rfi

No ar
  • RFI em Português
  • Noticiário em Português
  • RFI Mundo

Aeroporto Aviação TAAG Avião Tráfego aéreo Angola Cabo Verde

Publicado a • Modificado a

Angola e Cabo Verde passam a ser ligados pela TAAG

media
TAAG, Linhas Aéreas de Angola. Benjamin SHEPPARD / AFP

A ligação aérea Angola/Cabo Verde vai ser retomada ainda este ano, garante o ministro dos Transportes de Angola, Ricardo Viegas D’Abreu, de visita a Cabo Verde.


Cabo Verde e Angola assinaram um  memorando de entendimento no domínio dos transportes aéreos, em que a Cabo Verde Airlines oferece conectividade, a partir do "Hub" na Ilha do Sal, para vários destinos na Europa, Estados Unidos, Nordeste do Brasil e Senegal, ao passo que a TAAG poderá oferecer, a partir de Luanda, conectividades para outros destinos dentro do continente africano.

Os voos da TAAG de Luanda para a cidade da Praia ou a ilha do Sal devem ter três frequências semanais.

O ministro dos Transportes de Angola disse que a ligação aérea Angola/Cabo Verde vai ser retomada, ainda este ano, faltando apenas alguns acertos em termos técnicos, visto que o acordo prevê possibilidade de ligações para outros destinos.

Ricardo Viegas D’Abreu deu essa garantia à imprensa após sair do encontro que manteve, na cidade da Praia, com o Primeiro-ministro cabo-verdiano e com quem abordou questões associadas à aviação civil e transportes aéreos.

"Viemos para debater oportunidades neste sector para os dois países, e hoje vamos dedicar o dia a actividades de transportes aéreos com ligações entre Luanda/Sal ou Praia e delinear outros destinos a partir de Cabo Verde", assegurou o ministro angolano.

A intenção, explicou, é materializar a visão transmitida pelo Primeiro-ministro, Ulisses Correia e Silva, em transformar Cabo Verde num "hub" de transportes.

Mais pormenores com o nosso correspondente, Odair Santos.

Correspondência de Cabo Verde 03/11/2018 ouvir