rfi

No ar
  • RFI em Português
  • Noticiário em Português
  • RFI Mundo

África África Lusófona Cabo Verde Avião Transporte Morte Ilhas Salvamento Luís Filipe Tavares

Publicado a • Modificado a

Cabo Verde garante o transporte de doentes

media
Ilha do Sal, Cabo Verde RFI/NeidyRibeiro

As autoridades cabo-verdianas compraram um avião à empresa portuguesa “sevenair” que vai garantir o serviço de evacuação médica, de busca e salvamento em todo o território nacional. O estado garante o transporte de doentes desfavorecidos.


“Ninguém ficará em terra”, garantiu o ministro da Defesa de Cabo Verde, acrescentado que o Estado vai assumir as responsabilidades por “aqueles que não puderem pagar”.

Luís Filipe Tavares reagiu assim à assinatura do acordo com a empresa portuguesa “sevenair”, um acordo que se traduz na compra de um avião que vai garantir o serviço de evacuação médica, de busca e salvamento em todo o território nacional.

“Nós, esta manha assinamos com o grupo Sevenair um acordo em Lisboa (…) e vamos trabalhar para termos a aeronave nas próximas semanas para podermos estar em condições de operar e prestar um serviço de qualidade às nossas populações”, referiu.

O ministro da Defesa assegurou que a aeronave vai estar ao serviço da guarda-costeira, deve chegar ao território nacional nas próximas semanas.

“A aeronave, que vai chegar nas próximas semanas, vai estar aqui para o serviço da guarda costeira e prestará um serviço de evacuação médica, busca e salvamento, em todo o território nacional”, disse.

Luís Filipe Tavares, ministro de Defesa de Cabo Verde 05/07/2018 ouvir

Este acordo acontece após a morte de uma grávida que foi transportada de barco entre as ilhas cabo-verdianas da Boavista e Sal, um caso inflamou o debate sobre o transporte de doentes no país.

A este episódio juntou-se ainda o caso de outra grávida, que foi transferida da Boavista para o Sal de barco, em Maio, e acabou por perder o bebé, enquanto um jovem baleado foi enviado para o Sal da mesma forma.