rfi

No ar
  • RFI em Português
  • Noticiário em Português
  • RFI Mundo

Angola Corrupção Peculato João Lourenço Justiça José Eduardo dos Santos Luanda Porto

Publicado a • Modificado a

Angola: general "Kopelipa" demarca-se da empresa Soportos SA

media
Porto de Luanda - Angola youtube.com

General na reserva Manuel Helder Vieira Dias "Kopelipa" afirma que apenas agiu como representante legal do seu familiar accionista da Soportos, que devolveu ao Estado a gestão dos terminais dos Portos de Luanda e Lobito.


O ex-Chefe da Casa de Segurança do antigo Presidente angolano José Eduardo dos Santos, general Manuel Helder Vieira Dias "Kopelica" numa nota de imprensa divulgada em Luanda, garante de não ter ligação com a empresa Soportos, que entregou voluntáriamente, dos terminais multiusos do porto de Luanda e mineiro do porto de Lobito à Direcção de Recuperação de Activos da Procuradoria-Geral da República.

Avelino Miguel, correspondente em Luanda 01/08/2019 ouvir

Segundo o general na reserva, na entrega dos dois terminais, actuou apenas como representante legal do seu familiar accionista da Soportos, José Cordeiro dos Santos, ausente do país por motivos de doença.

De acordo com a nota de imprensa, a entrega dos dois terminais portuários é o resultado de negociações entre a Soportos - Transporte e Descarga SA e o Ministério dos Transportes e o general actuou apenas como mero procurador do seu familiar accionista e não como proprietário da referida empresa.

Entretanto, fontes próximas do regime de Luanda, sustentam que dificilmente a entrega dos terminais portuários pelo Governo à empresa do familiar do general "Kopelipa", poderia ter sido feita sem a influência do mesmo, considerado na altura, a segunda figura do regime do antigo Presidente José Eduardo dos Santos.