rfi

No ar
  • RFI em Português
  • Noticiário em Português
  • RFI Mundo

França Coletes Amarelos Emmanuel Macron Polícia Manifestação

Publicado a • Modificado a

Coletes Amarelos em Paris e Polícia detem dezenas de manifestantes

media
Forças de polícia lançam gás lacrimogéneo para dispersar coletes amarelos no sábado em Paris.21 de Setembro de 2019 Zakaria ABDELKAFI / AFP

Depois das férias estivais, membros do movimento social Coletes Amarelos voltam a manifestar nas ruas de Paris, vigiados por um forte dispositivo policial. Foi a primeira vez que os Coletes Amarelos manifestaram sem o simbólico colete. Várias pessoas activas no seio do movimento queixaram do assédio das forças da ordem. Segundo as agências noticiosas, mais de uma centena de pessoas foram detidas.


Pela primeira vez,desde a sua emergência no dia 17 de Novembro de 2018, os membros do movimento social que contesta as políticas do executivo do Presidente Emmanuel Macron, vieram às ruas sem o seu colete amarelo.

Desfilando em pequenos grupos, os coletes amarelos foram controlados e dispersos pelas forças de polícia, nomeadamente com gases lacrimogénios, e impedidos de aceder a Avenida dos Campos Elísios (Champs-Elysées).

Segundo fontes policiais, Eric Drouet, um dos activistas dos coletes Amarelos que se encontrava numa rua vizinha dos Campos Elísios, foi multado por participação numa manifestação não autorizada.

De acordo com a AFP, alguns Coletes Amarelos, sob anonimato, queixaram-se de não poder expressar o seu descontentamento perante as dificuldades em que vivem.

O Comando Geral da Polícia de Paris, comunicou que até ao início da tarde de Sábado, 123 pessoas tinham sido detidas pelas forças da ordem,174 multadas e objectos como martelos e bolas de petanca apreendidos.

Vários coletes amarelos integraram posteriormente a Marcha do Clima,pela luta contra o aquecimento global, marcada por incidentes no Boulevard de Saint-Michel, artéria parisiense que atravessa a zona estudantil do bairro latino (quartier latin).