rfi

No ar
  • RFI em Português
  • Noticiário em Português
  • RFI Mundo

Argélia França CAN 2019 Incidentes Mundial Polícia Viaturas Forças da Ordem Futebol

Publicado a • Modificado a

França: incidentes após qualificação da Argélia para final de CAN

media
Adetpos da Argélia festejam o apuramento da sua equipa para a final nos Champs-Elysées (Campos Elísios). 14 de Julho de 2019 ZAKARIA ABDELKAFI / AFP

O apuramento da Argélia para final do CAN 2019 foi em França motivo para festejos, mas também para incidentes. O descontrolo de alguns adeptos argelinos, em Paris e noutras partes da França, resultou nem vários incidentes e na consequente intervenção das forças da ordem. Os distúrbios, durante os quais foram incendiadas viaturas, levaram a polícia a deter 282 pessoas em toda a França


Contráriamente à tradição, o Ministério do Interior francês, optou, desta vez, por não divulgar o número de viaturas incendiadas nas noites de 13 e 14 de Julho, em França. Christophe Castaner, ministro do Interior, considerou que o facto de revelar o número em questão, não resolve o problema.

O problema foi na realidade a euforia dos adeptos argelinos,perante a vitória da sua equipa por duas bolas à uma sobre a Nigéria e o seu apuramento para a final do CAN 2019.

A terceira qualificação da Argélia para uma final do CAN, provocou cenas de alegria popular, nomeadamente nos Campos Elísios em Paris e no Velho-Porto de Marselha, segundo observadores, idênticas às que celebraram há um ano a vitória da França no Mundial de futebol.

Contudo, a noite que começara na alegria festiva, segundo as autoridades policiais, foi manchada por uma série de incidentes, tais como saques e viaturas incendiadas, como por exemplo nos Campos Elísios, onde as forças da ordem dispersaram os últimos adeptos cerca das 3 horas da manhã .

Incidentes ocorreram também em Marselha, no sul da França, onde bombeiros foram agredidos e o seu material danificado, assim como adeptos enfrentaram as forças da ordem.

Oito polícias ficaram ligeiramente feridos e um total de 12 pessoas foram detidas em Marselha.

Segundo o Ministério do Interior, 282 pessoas foram apreendidas em toda a França, na sequência do 14 de Julho e dos festejos, que celebraram o apuramento da Argélia para a final do CAN.