rfi

No ar
  • RFI em Português
  • Noticiário em Português
  • RFI Mundo

Eleição presidencial Cazaquistão Votação Padrões Kassym-Jomart Tokayev Incidentes

Publicado a • Modificado a

Cazaquistão: eleição de Tokayev e incidentes durante votação

media
Kassym-Jomart Tokayev é o presidente-eleito do Cazaquistão.Aqui numa alocução televisiva no passado mês de Abril. Kazakh Presidential Press Service

O sucessor escolhido do presidente Nursultan Nazarbayev,que governou durante três décadas, foi o confortável vencedor da eleição presidencial no Cazaquistão. Kassym-Jomart Tokayev, delfim de Nazarbayev, é o novo presidente do país asiático com mais de 65% dos votos registados, num escrutínio marcado por incidentes.


Segundo a Comissão Central Eleitoral, Kassym-Jomart Tokayev,que assumia as funçoes de chefe de Estado interino, obteve 70,8% dos votos na eleição presidencial de domingo, no Cazaquistão. O seu principal adversário, Amirzhan Kosanov beneficiou apenas de 16.2%.

Observadores afirmam que o escrutínio foi afectado pela repressão policial, e centenas de pessoas, que apelaram ao boicote da eleição, foram detidas no domingo.

Representantes da OSCE( Organização para a Segurança e Cooperação na Europa ) acusaram as autoridades cazaques de evidenciarem falta de respeito pelos direitos fundamentais. De acordo com os referidos observadores, pessoas que protestavam pacificamente foram presas, irregularidades ocorreram durante a votação e os padrões democráticos parcialmente ignorados

O Ministério do Interior cazaque anunciou que cerca de 500 pessoas foram detidas. Marat Kozhayev, vice-ministro do Interior, acusou elementos radicais de organizarem comícios não autorizados.

Activistas locais denunciaram as prisões efectuadas e o enchimento das urnas com votos alsos. As autoridades desmentiram estes últimos factos.

Kassym-Jomart Tokayev considerou que não houve fraude durante o escrutínio e que os incidentes ocorridos,denotam antes um maior nível de cultura política dos cidadãos cazaques.

As autoridades do Cazaquistão informaram que um inquérito será efectuado, para apurar se ocorreram infracções no decurso da votação.

Amirzham Kosanov, rival de Tokayev, congratulou este último pela sua vitória e criticou os representantes da oposição, domiciliados no exterior, por terem lançado um apelo ao boicote da eleição.

Daniya Yespayeva, primeira mulher a candidatar-se a eleição presidencial no Cazaquistão, foi o terceiro candidato mais votado com 5,2% dos votos.

A taxa de participação no escrutínio foi de 77%, mas,segundo observadores, nas regiões de Nur-Sultan e de Almaty ,muitos eleitores queixaram-se por não poder votar.