rfi

No ar
  • RFI em Português
  • Noticiário em Português
  • RFI Mundo

Governo Alemanha Angela Merkel Partido Social-Democrata Martin Schulz impasse

Publicado a • Modificado a

Alemanha: últimas negociações para formação de governo

media
A chanceler alemã, Angela Merkel, em Berlim, antes de iniciar a última ronda de negociações com o SPD .04 de Fevereiro de 2018 Tobias SCHWARZ / AFP

Após vários meses de incerteza ,a Alemanha caminha finalmente para a formação de um novo governo de coligação liderado por Angela Merkel. Por ocasião da última fase de negociação entre a CDU-CSU e os sociais-democratas do SPD, a Senhora Merkel declarou que os conservadores estão prontos para fazer concessões,de forma a pôr um fim ao impasse político que prevalece desde as eleiçõeslegislativas alemãs, em Setembro de 2017.


No âmbito da última ronda negocial entre de um lado os conservadores da CDU e CSU, e do outro os sociais-democratas, do SPD, a chanceler Angela Merkel declarou que estava pronta para fazer compromissos dolorosos.

Merkel sublinhou que chegou o momento de pôr um termo a incerteza política. Referindo-se à queda brutal das bolsas, no decurso dos últimos dias, Angela Merkel sublinhou que o mundo atravessa um período muito conturbado.

Segundo a chanceler alemã, o seu país necessita de um governo que evidencie confiança perante as expectativas da população.Se as vantagens superarem os inconvenientes, de acordo com Angela Merkel, então ela está pronta para concluir um acordo.

As negociações para estabelecer um programa de governo deviam ter sido encerradas, na passada sexta-feira. O líder do SPD, Martin Schulz afirmou que existem boas razões para se acreditar que um acordo, entre os sociais-democratas e os conservadores de Angela Merkel, seja concluído nesta terça-feira.

Todavia o vice-presidente da CDU, Volker Bouffier, chamou a atenção, para o facto de que nada ainda está garantido.